Cadastro único: Saiba como fazê-lo e aprenda também a utilizar o aplicativo CadÚnico

O cadastro único é um programa criado pelo governo federal para identificar todas as famílias brasileiras que vivem abaixo da linha da pobreza, com pouca ou nenhuma renda fixa mensal.



Dessa forma, é possível monitorar a realidade de muitos cidadãos brasileiros que antes passavam despercebidos diante dos olhos dos governantes.

Nesse cadastro, são registrados diversos aspectos da realidade onde essa família vive:

Características da residência, escolaridade de cada membro, situação financeira, a quantidade de membros que vivem naquela casa, o salário que cada adulto empregado recebe, e etc.



É assim que os governantes têm uma noção exatamente de que faixa da população possui maior necessidade de auxílios e, assim, podem desenvolver projetos para oferecer.

O programa do bolsa família, da tarifa social de energia elétrica e o ‘Minha casa, Minha vida’, por exemplo, são algumas boas amostras de como isso funciona.

O cadastro único é como a ponte entre famílias necessitadas de ajuda financeira e as políticas sociais criadas pelo governo estadual especialmente para atendê-las.



Dessa forma, todos os meses, aqueles cidadãos têm, por direito, acesso a uma quantia em dinheiro que irá ajuda-los a se manter pelo menos com o básico.

Claro, não é nem perto do suficiente para que uma família deixe de vez a linha da pobreza e assuma um padrão mais elevado de vida.

Mas em situações de extrema necessidade, ajuda bastante.



Uma dúvida frequente é: como se cadastrar nesse programa, afinal? Como saber se você faz parte de algum dos grupos beneficiados por políticas sociais do governo?

Então preste bastante atenção em cada um dos parágrafos que traremos a seguir e entenda um pouco mais sobre isso.

Nesse artigo, vamos te ensinar o passo-a-passo de como se cadastrar, como fazer o download do aplicativo CadÚnico e como utilizar corretamente as ferramentas presentes nele. Vamos lá?



Como se inscrever no Cadastro Único?

A primeira etapa desse cadastro não pode ser feita online, mas cada município possui profissionais que realizam visitas periódicas apenas voltadas para isso.

Caso não aconteça, você pode procurar um CRAS (centro de referência em assistência social) na sua cidade ou no seu município e solicitar que ele seja feito.



Para isso, é necessário que:

  • Um dos membros da família (maior de 16 anos e que more na mesma casa que os demais) se habilite para responder as perguntas necessárias.
  • Que esse representante apresente o CPF ou título de eleitor.
  • Entregar para o profissional responsável por fazer esse cadastro pelo menos um documento de cada membro da família (CPF, identidade, certidão de nascimento, casamento, etc).
  • Apresentar uma conta de água, luz ou telefone, como comprovante de endereço.

É importante se lembrar de sempre manter cada um desses dados atualizados:



Caso você mude de endereço, por exemplo, ou se a família tiver outro filho, o CRAS deve ser procurado (pelo menos responsável do primeiro cadastro) para que as informações antigas possam ser alteradas.

Como consultar a situação do seu cadastro?

A situação cadastral pode ser checada periodicamente através de um aplicativo criado pelo governo federal, o CadÚnico, ou acessando um portal da internet.



Para ter acesso a esse portal e às informações disponibilizadas por lá, basta visitar o site da caixa e preencher os dados que forem necessários.

Essa página será aberta, quando você acessar o site. Então, selecione ‘acessar minha conta’, destacado em laranja no canto superior direito.


Seu navegador te direcionará para essa outra página e, então, você só precisa fornecer seu usuário para ter acesso às demais funções.

 

Como fazer o download do app CadÚnico?

O CadÚnico é um aplicativo para celular do governo federal que te permite ter acesso à todas as informações do seu cadastro único em apenas alguns toques.



Ele está disponível para diversos sistemas diferentes: Android, IOS, e Windows Phone, por exemplo.

Lá, você pode desde checar se sua família está inscrita no cadastro único até atualizar seus dados antigos.

Também consegue estar por dentro de qualquer alteração que algum benefício social venha a sofrer (tanto no valor quanto na política de distribuição.



Para fazer o download dele, você só precisa acessar a loja de aplicativos do seu aparelho celular.

No sistema Android, por exemplo, ele estará exibido assim na Play Store, se você pesquisar por ‘Meu CadÚnico’

Selecione ‘instalar’, em destaque no canto superior direito, e espere alguns minutos até que o aplicativo seja baixado.

Uma vez que essa etapa esteja cumprida, abra-o e concorde com os termos de uso do aplicativo.



Em seguida, preencha esses dados solicitados na página inicial. É necessário para que você tenha acesso às demais funções do app.

Como já dissemos, através do CadUnico você pode ter acesso a diversas informações:

A situação do seu Cadastro Único, ter acesso ao NIS (número de identificação social) de cada membro da família, conhecer novos programas sociais do governo, etc.



Por ser o tipo de aplicativo usado por milhões de pessoas ao redor do país, é normal que ele apresente problemas e falhas no funcionamento, de vez em quando.

Quando isso acontecer, tente fechá-lo e abrir outra vez, ou sair da sua conta e tentar novamente em algum outro momento. Acabará dando certo, eventualmente.

Você só precisa de um pouco de paciência.



É importante manter suas informações de acesso em confidencialidade, para não acabar sofrendo golpes de pessoas mal intencionadas.

Lembre-se também de manter seus dados sempre recentes e estar atento a quaisquer alterações possíveis que os benefícios que você recebe venham a sofrer periodicamente.

Conclusão:

Infelizmente, muitas famílias no Brasil vivem abaixo da linha da pobreza, e dependem de programas sociais como o cadastro único para ter acesso a algum dinheiro e para tentar se manter de alguma forma, mesmo que com o mínimo.



Esse benefício distribuído pelas políticas sociais inclusas no cadastro único, muitas vezes, são o único recurso mensal fixo que as famílias possuem.

A vantagem é que agora é possível saber tudo sobre a sua situação cadastral sem precisar se deslocar até um posto do CRAS.



Na era digital em que nós vivemos, onde tudo se tornou um pouco mais simples e prático, você pode fazer isso com apenas alguns cliques e um pouco de paciência.

Consultar sua situação, a situação da sua família, os benefícios que você tem direito, tirar uma série de dúvidas sobre o programa e muitas outras coisas.

Basta fazer o download e explorá-lo até aprender como fazer bom uso de todas as ferramentas disponíveis.



O aplicativo nem ocupa muita memória do seu celular e, apesar de apresentar algumas falhas eventualmente, como já dissemos, é de fácil funcionamento, sem grandes complexidades.

Portanto, se você não é habituado com tecnologia, não se preocupe.



O CadÚnico irá te dar um lembrete sempre que os seus auxílios financeiros estiverem disponíveis para retirada, por exemplo, e te avisar, caso você tenha direito a receber algum benefício inédito.

Nesse período econômico turbulento que estamos vivendo, não existe felicidade maior do que descobrir que você tem direito a um dinheirinho extra no fim do mês, não é?