CNH Digital: 4 Coisas Que Você Precisa Saber

CNH Digital: 4 Coisas Que Você Precisa Saber

A Carteira Nacional de Habilitação agora pode ser utilizada como a CNH digital. Esse recurso garante ao condutor comodidade e segurança por não precisar carregar o documento físico todas as vezes que sair de casa dirigindo.

Nos últimos anos os smartphones se tornaram extensões de muitos seres humanos, que não cogitam sair de casa sem seus dispositivos. Desse modo, tornou-se prático oferecer soluções que podem ser acessadas virtualmente pelos celulares, como é o caso da Carteira Nacional de Habilitação Digital.

A obtenção da CNH digital deve ser feita nos smartphones por meio do aplicativo Carteira Digital de Trânsito – CDT e está disponível tanto para aparelhos Android quando para iPhone.

Uma das vantagens desse recurso é que o condutor não precisa ir até os postos do Detran ou Denatran para obter, nem mesmo fazer uso de certificado digital. Um simples cadastro no app permite ao cidadão carregar sua CNH digital no celular.

Como ainda há muitas dúvidas sobre esse recurso, abaixo respondemos quatro perguntas sobre o assunto.



1. Como Obter a CNH Digital?

Como mencionado, a obtenção da CNH digital deve ser feita em seu smartphone, Android ou iPhone.

No entanto, para que isso seja possível, é necessário que a Carteira Nacional de Habilitação tenha sido emitida a parti de maio de 2017. Além disso, é necessário que ela possua um QR code internamente.

O primeiro passo para obter a CNH digital, é efetuar o cadastro no site do Denatran. Para a comodidade dos condutores, isso pode ser feito diretamente no aplicativo Carteira Digital de Trânsito.

Desse modo, você deverá baixar o app, cadastrar-se e estar com a CNH impressa em mãos par que o aplicativo possa ler o QR code.



2. Qual o Custo Para Obter a CNH Digital?

O custo envolvido no processo de obtenção da CNH digital pode variar. Isso porque os custos variam de acordo com as normas estabelecidas pelo Detran de cada estado.

Enquanto em alguns estados cobra-se uma taxa de R$10 reais para aderir à modalidade digital da Carteira Nacional de Habilitação, como em Goiás, em outros, como em Minas Gerais, o serviço é completamente gratuito.

 

Para obter a resposta a essa pergunta, é necessário consultar o Detran do seu estado.



3. CNH Digital Pode Ser Recusada Por Policiais Rodoviários?

Quando uma pessoa é parada em uma blitz, o condutor é convidado a apresentar os documentos do carro e a carteira nacional de habilitação, garantindo estar em dia com as obrigações enquanto motorista.

Mas o policial ou agente de trânsito pode não aceitar a CNH digital? Essa dúvida é ainda recorrente.

No entanto, é necessário saber que tanto a versão impressa da CNH quanto a versão digital possuem validade legal e, caso o profissional se negue a aceitá-la, você deve efetuar denúncia diretamente no Detran estado em que a situação ocorreu.

Vale ressaltar que a versão da CNH digital também possui validade como documento de identificação para fins de cadastros e usos diversos, já que possui imagem do titular e seus principais documentos, como o RG e CPF.



4. E Quanto à Segurança?

Não é de se estranhar que algumas pessoas tenham receio de usar versões digitais de seus documentos devido à exposição de seus dados pessoais.

No entanto, o aplicativo da CNH digital conta com um moderno módulo de segurança e protocolos que tornam os dados invioláveis e inacessíveis a terceiros.

Além disso, se seu celular for furtado, roubado ou perdido, você pode bloquear o documento no portal de atendimento do Denatran de seu estado ou diretamente em uma agência do Detran.

Ressaltamos, ainda, que o QR Code, presente na CNH, tem como função garantir a segurança e evitar fraudes, duplicações e falsificação do documento.

No site do SERPRO, empresa federal de processamento de dados, é possível obter mais informações a respeito do aplicativo e da CNH digital.



Deixe uma resposta