Vale A Pena Fazer Crediário de Cartão de Crédito?

Vale A Pena Fazer Crediário de Cartão de Crédito?

Você já ouviu falar sobre crediário de cartão de crédito? Sabia que essa opção pode ser muito vantajosa em algumas situações e desvantajosa em outras? Essa nova forma de pagamento permite que o comprador parcele uma compra em até 36 vezes e, portanto, para o vendedor pode ser um diferencial para captar maior clientela.

Mas afinal, será que esse é um bom negócio? Nos tópicos abaixo analisamos o serviço! Continue lendo e saiba mais:

 

Como Funciona Crediário de Cartão de Crédito?

O crediário de cartão de crédito, como mencionado, é um novo serviço de pagamento que oferece ao consumidor a possibilidade de parcelar uma compra ou o pagamento de um serviço adquirido em até 36 vezes, desde respeitadas as condições do banco emissor.

Antes de efetuar o pagamento, é possível fazer a simulação do crediário de cartão de crédito, pois, a partir de então, o cliente poderá verificar a taxa de juros e o custo efetivo total (CET) da compra.

PUBLICIDADE

A partir da simulação, o cliente tem autonomia para decidir qual a melhor condição de pagamento!

Na prática, o vendedor ou prestador de serviços poderá oferecer seus serviços e produtos com a possibilidade de pagamento à vista, pagamento a prazo sem juros, e pagamento a prazo com juros. É nessa última categoria que se enquadra o crediário de cartão de crédito.

 

Afinal, Vale a Pena Fazer Crediário de Cartão de Crédito?

Para responder a essa pergunta é necessário levar em consideração que ao fazer crediário de cartão de crédito, existe o contexto do comprador e o contexto do vendedor. Entenda:

 

Crediário de Cartão de Crédito Para Cliente

A principal vantagem para o consumidor é a possibilidade de fazer pagamentos mais estendidos, o que pode ser bastante útil para compras mais caras como móveis, eletrodomésticos, pacotes de viagem e até mesmo veículos, dentre tantas outras possibilidades.

PUBLICIDADE

Consequentemente, outra vantagem do crediário de cartão de crédito para o consumidor é o aumento do poder de compra.

Em contrapartida, como desvantagens, temos:

·         Sujeição às taxas de juros que, algumas vezes, podem ser bastante altas (fatores como o score de crédito influenciarão nas taxas. Neste artigo explicamos melhor como o score funciona);

·         Aumento do potencial de endividamento, já que como as parcelas podem ser diluídas em longas prestações, o consumidor pode não se dar conta que está, de fato, se endividando e acumular mais contas do que pode pagar.

PUBLICIDADE

Nesse caso, o que o cliente deve levar em consideração é, principalmente, o custo efetivo total (CET), ou seja, quanto terá pago pelo produto após quitar todas as parcelas, acrescido da taxa de juros.

É claro que, muitas vezes, essa é a única oportunidade de pagar por um produto ou serviço mais caro. Sendo assim, o consumidor deve analisar as taxas de juros e verificar se não existem condições que sejam mais vantajosas (como financiamento, por exemplo, ou empréstimo consignado, que oferece crédito com as melhores taxas de juros).

 

Crediário de Cartão de Crédito Para o Vendedor

O vendedor também tem muito a ganhar com o crediário de cartão de crédito.

A primeira vantagem é ofertar à clientela uma condição mais flexível de pagamento. Isso ajuda a finalizar mais negócios.

PUBLICIDADE

Outra vantagem extremamente útil é que mesmo que uma compra seja parcelada em 36 vezes, que é a quantidade máxima de parcelas, o consumidor pode receber o valor total em poucos dias.

A Cielo, por exemplo, antecipa o pagamento ao vendedor em até dois dias úteis após a transação do crediário de cartão de crédito.

Instituições financeiras como o Bradesco, o Santander, o Banco do Brasil, o Itaú e o Votorantim já oferecem o serviço de crediário de cartão de crédito.

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta