Governo decide aumentar o Auxílio-Gás

O número de beneficiários do Auxílio-Gás também deve aumentar

Foi noticiado pela mídia que o governo federal e o Congresso decidiram aumentar o valor do Auxílio-Gás.

A ideia do governo é utilizar uma Proposta de Emenda à Constituição que já está em discussão no Senado Federal para criar e ampliar benefícios.

Segundo integrantes do governo, o Auxílio-Gás terá um aumento no seu valor e também no número de beneficiários que o recebem.

Segundo O Globo, os detalhes dessa medida foram acertados em uma reunião que aconteceu ontem em Brasília entre o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, e os presidentes da Câmara, Arthur Lira, e do Senado, Rodrigo Pacheco.

A ideia é que essa medida seja incluída na PEC que trata sobre a redução do preço da gasolina e do diesel que já está sendo discutida pelos Senadores.

O Auxílio-Gás foi criado ano passado e atende a mais de 5 milhões de famílias no país. O valor do benefício corresponde a 50% da média do preço do botijão de 13kg, o gás de cozinha e é pago a cada dois meses. Em abril o valor do Auxílio-Gás foi de R$51 reais e neste mês de junho o benefício já está sendo pago, no valor de R$53 reais.

O governo pretende não só aumentar o valor do Auxílio-Gás, como também aumentar o número de famílias beneficiadas pelo programa. Além disso, a periodicidade do pagamento pode ser alterada. Ou seja, é possível que o Auxílio-Gás seja pago, quem sabe, todos os meses e não a cada 2 meses, como está sendo hoje.

Essa medida deve valer até o fim de 2022.

Veja no vídeo abaixo mais informações sobre o aumento do Auxílio-Gás.