You are currently viewing 4 Dicas valiosas para quem é MEI: Lucre mais
4 dicas valiosas para quem é MEI

4 Dicas valiosas para quem é MEI: Lucre mais

  • Post category:MEI

Este artigo foi feito especialmente para quem é MEI e que quer fazer o seu negócio crescer e lucrar mais.

Separamos quatro dicas super importantes que quem é MEI deve ficar de olho, para garantir o sucesso da sua empresa em diferentes áreas.

  • Conheça muito bem o seu público alvo

Certamente você já ouviu falar na importância de conhecer o público para quem você vai vender os seus produtos e serviços. 

Isso acontece porque sabendo para quem você vai vender, conhecendo quais as necessidades, anseios e problemas dessa pessoa que você poderá solucionar, fica bem mais fácil desenvolver os produtos que atenderão a tais necessidades.

PUBLICIDADE

O que é valor para essas pessoas? Quais aspectos elas consideram importantes e quais não importam tanto? Vale a pena cobrar mais caro para trabalhar com a marca X de chocolate, por exemplo, digamos que você é confeiteira, quando o seu cliente não vê diferença entre o chocolate X, Y ou Z? São perguntas como essa que você precisa se fazer a todo instante e somente conseguirá respondê-las da forma correta se souber muito bem o que pensa o seu público alvo.

E não adianta dizer: “mas eu não tenho um público alvo, meu produto atende todas as pessoas”. Não existe isso. Pouquíssimas empresas no mundo cresceram sem focar nas necessidades de um segmento específico da população. Até porque, isso irá direcionar não só o desenvolvimento dos seus produtos ou serviços, mas também a sua comunicação, ao invés de ficar atirando para todos os lados.

  •  Quem é MEI precisa saber precificar corretamente os seus produtos

Uma das maiores dificuldades de quem é MEI, especialmente aqueles que estão começando, é saber cobrar corretamente pelos produtos que oferece. 

Errar nesse aspecto pode fazer com que você não receba de forma justa pelo trabalho que executa e, em muitos casos, pode estar até mesmo pagando para trabalhar, sem perceber. Isso, a longo prazo, pode ser fatal para a sobrevivência do seu negócio. Então, se existe um aspecto que não pode ser negligenciado é o valor que você irá cobrar.

PUBLICIDADE

E é preciso que eu seja sincera: não é simples precificar corretamente. Porque não estamos falando só de uma conta matemática. O seu preço deve considerar diversas variáveis, tais como: o seu custo, o valor da sua mão de obra, se você tem ou não um funcionário, o valor cobrado pela concorrência, a percepção de valor que você deseja que os seus clientes tenham sobre o produto que você oferece, a margem que você deseja ter sobre cada produto e até mesmo a forma como você vende seus produtos, a vista, à prazo, pela maquininha de cartão, dentre outros. Percebe que são muitas variáveis e todas elas precisam fazer parte dessa conta? 

  • Quem é MEI precisa separar as contas pessoais das contas empresariais

Essa dica deveria ser observada como um mantra por todo empreendedor, não apenas por quem é MEI: jamais misturar as contas pessoais com as contas da empresa. 

É fundamental que você consiga separar as duas coisas, para que tenha a exata dimensão do dinheiro que entra e sai do caixa da empresa. Quando as contas estão misturadas, muitas vezes você pode acabar se confundindo e tirando da empresa mais recursos do que deveria.

Lembre-se que o lucro da empresa não é o seu salário como empreendedor. O lucro da empresa possui diversas finalidades, tais como reserva de capital de giro, realizar investimentos, como uma pequena reforma ou aquisição daquele equipamento que vai fazer a sua produção aumentar. 

PUBLICIDADE

Se você utilizar todo o excedente como se fosse dinheiro pessoal, você não conseguirá ter fôlego para fazer o seu negócio avançar e, em casos mais graves, pode até mesmo levar a sua empresa à falência.

Para não cair nesse erro, nossa dica para quem é MEI é: estabeleça um valor de pró-labore mensal, que será o seu salário. Seja bastante pé no chão na hora de definir esse valor, estabelecendo uma quantia de acordo com a realidade do seu negócio, para que a empresa consiga honrar todos os meses sem descumprir as demais obrigações do negócio.

Além disso, mantenha contas bancárias separadas: uma para a pessoa física e outra para a pessoa jurídica. Assim, ficará mais fácil administrar essa separação.   

  • Controle seu estoque

A gestão de estoque é um ponto super importante para que a sua empresa lucre cada vez mais. Isso porque por um lado, se você deixar faltar mercadoria, corre o risco do cliente procurar e você não vender, porque está sem o produto desejado. Por outro lado, ter muito estoque parado, significa dinheiro parado e, se o seu produto tiver validade, esse estoque parado corre até o risco de virar prejuízo. Não queremos nem uma coisa, nem outra, certo?

PUBLICIDADE

Então, na hora de gerir o estoque da sua empresa, considere essas dicas:

  • liste todos os produtos que você comercializa e defina a quantidade mínima e máxima de estoque que você precisa ter de cada produto. Assim, você poderá transitar por essa margem, evitando tanto a falta, quanto o excesso.
  • fique atento à rotatividade dos produtos. De quanto em quanto tempo você precisa repor o seu estoque? Quais produtos saem mais rapidamente? Quais demoram mais para girar? Existe alguma sazonalidade? Algo vende mais em determinados meses e menos em outros? Todas essas perguntas devem ser levadas em consideração na hora de estabelecer a quantidade de estoque de cada produto que mencionei antes.
  • E como você organiza esse estoque fisicamente também é muito importante. Os itens que entraram primeiro precisam sair antes daqueles que entraram depois. Também é preciso fazer inventários periódicos para acompanhar exatamente o que você possui e, a partir desse controle, direcionar as suas compras.

Gostou dessas dicas para alavancar a sua empresa? Existe alguma dessas áreas, como marketing, finanças, estoques, processos, dentre tantas outras que você gostaria de conhecer com mais detalhes, ver mais dicas para usar no dia a dia da sua empresa? Comenta aqui embaixo que podemos novos artigos exclusivos de acordo com as suas necessidades e as da sua empresa.

Assista o nosso vídeo sobre 4 dicas valiosas para quem é MEI

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta