Fundos Imobiliários Valem a Pena? Confira!

Fundos Imobiliários Valem a Pena? Confira!

Fundos imobiliários integram sempre a seleta lista de principais investimentos para quem deseja uma boa rentabilidade.

Se você já possui uma relação mais estreita com investimentos, certamente sabe que os FIIs – Fundos de Investimentos Imobiliários – são divididos em fundos de papel, de tijolo e fundos dos fundos.

Esses termos, contudo, podem soar estranhos a quem está começando a investir no segmento. Para ajudá-lo e desbravar esse universo de fundos imobiliários e a ver sua rentabilidade crescer, neste artigo iremos entender melhor se esse tipo de investimento vale a pena e como funciona.

Continue lendo e tire suas dúvidas.

PUBLICIDADE

 

O Que São Fundos Imobiliários?

Os fundos imobiliários, ou FII, são fundos constituídos por ações do ramo imobiliário, como o nome sugere.

Assim como nos demais fundos, o principal objetivo é ter a máxima rentabilidade possível, de acordo com as alocações feitas. Para que isso seja possível, há gestores responsáveis por acompanhar o mercado e a partir disso fazer as alocações que irão garantir a melhor rentabilidade possível ao investimento.

A principal forma de atuação dos fundos imobiliários é adquirindo empreendimentos comerciais com grande potencial de alocação. Desse modo, os investidores recebem seus percentuais correspondentes.

Além disso, é possível obter lucros de outra forma, que é pela valorização do bem.

PUBLICIDADE

Desse modo, as carteiras de investimentos de fundos imobiliários estão sempre entre as mais recomendadas por experts.

 

Tipos de Fundos Imobiliários

As carteiras compostas por fundos imobiliários podem ser identificadas como de papel ou de tijolo.

Enquanto o de papel é composto por títulos que relacionados ao setor imobiliário – normalmente caracterizado como renda fixa e maior rentabilidade – os fundos de tijolo são os imóveis urbanos e rurais cuja rentabilidade está atrelada à locação residencial ou comercial.

Os fundos de papel têm como objetivo garantir a rentabilidade a partir do pagamento de juros em função do pagamento de certos papeis, tais como Letras Hipotecárias, LCI e CRI.

PUBLICIDADE

Nos casos dos fundos imobiliários de tijolo, também é possível obter rentabilidade a partir da venda e arrendamento dos imóveis. É muito comum que investidores optem por investir em fundos de tijolos com grande potencial de alocação, como shopping, hipermercados, grandes lojas, galpões, etc.

 

Vale a Pena Investir em Fundos Imobiliários?

Certamente o investimento nesse tipo de fundo pode ser muito rentável quando feito estrategicamente.

Um dos pontos positivos é que ele oferece muito menos burocracia e custo do que o segmento imobiliário físico. Além disso, há liquidez para que o investidor possa se desfazer de sua cota, caso assim deseje.

Por fim, ao contrário do mercado físico imobiliário, é possível começar a investir com baixos valores.

PUBLICIDADE

As cotas dos fundos imobiliários são negociadas na bolsa de valores de um país. No caso do Brasil, os pregões são feitos na B3.

É possível obter uma renda mensal por meio de distribuição de juros ou aluguel. Outro ponto positivo é que esse tipo de investimento é isento de impostos.

Contudo, havendo ganho de capital no momento da venda da cota por um valor maior do que o que foi pago, será necessário pagar a tributação de 20% sobre o ganho.

O rendimento dos fundos imobiliários que integram uma carteira recomendada no país foi de 48,50%. Trata-se de um índice muito interessante e dificilmente conseguido em outros investimentos que oferecem baixos riscos.

PUBLICIDADE

Na prática, vale a pena manter investimentos em fundos imobiliários. Contudo, isso dependerá de uma boa gestão, já que um profissional experiente será capaz de identificar os principais títulos com bom potencial de valorização e, consequentemente, de rentabilidade.

Hoje em dia, você pode investir em fundos imobiliários por meio dos bancos tradicionais, ou pelas corretoras que oferecem esses serviços. Certifique-se de contratar um profissional consolidado e experiente para manejar seu dinheiro e proporcionar bons ganhos.

No site do Banco Central você tem acesso a um material completo sobre sobre as perspectivas desse tipo de investimento no país. Além disso, neste artigo abordamos outras opções de investimentos para você compará-las.

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta