BNDES MEI: Empréstimos para o Microempreendedor

BNDES MEI: Empréstimos para o Microempreendedor

O Brasil vem buscando implantar políticas de incentivo ao empreendedorismo. As linhas de crédito para o BNDES MEI são um exemplo disso.

Dessa forma, os pequenos empresários têm acesso a empréstimos com taxas de juros muito mais atraentes e convidativas do que se o procedimento fosse requerido a partir de pessoa física.

Ao ter acesso à linha de crédito do BNDES MEI, o empresário poderá utilizar o recurso obtido através do financiamento como capital de giro, aumentar a empresa, adquirir novos equipamentos, investir em treinamentos e mais uma série de opções.

Mas, antes de mais nada, é importante conhecer as opções e entender como cada uma delas funciona, pois, assim você conseguirá se planejar melhor.

PUBLICIDADE

Para que não restem dúvidas, neste compilado trouxemos os principais empréstimos disponibilizados para MEI pelo BNDES. Acompanhe:

 

BNDES MEI – O que é?

O BNDES é o Banco Nacional do Desenvolvimento, uma instituição federal que tem como objetivo custear a longo prazo diversos segmentos da economia do país.

As empresas são especialmente beneficiadas por esse banco.

O Microcrédito para empreendedor, por exemplo, é uma boa opção para os microempreendedores que estão precisando de apenas um empurrãozinho para atender a pequenas demandas.

PUBLICIDADE

Conheça abaixo os principais tipos de crédito do BNDES MEI.

 

BNDES MEI Microcrédito

Por meio do microcrédito, os microempreendedores podem solicitar financiamentos de até R$ 20 mil reais.

Nessa modalidade, o empreendedor deverá negociar a taxa de juros diretamente com a instituição credora, ou seja, o banco que intermediará o financiamento. No entanto, é requisito que a alíquota não seja superior a 4% ao mês, já levando em conta todos os encargos envolvidos.

Outro possível custo envolvido, é a TAC – Taxa de Abertura de Crédito, que é uma taxa administrativa do banco que media o financiamento. A TAC, por sua vez, não deve ultrapassar 3% do valor total do financiamento.

PUBLICIDADE

 

Critérios para contratar microcrédito do BNDES

Embora seja relativamente simples contratar o microcrédito, é necessário que o empreendedor e sua respectiva empresa se enquadrem em certos critérios.

O primeiro deles é o limite de faturamento. Para estar apta a requerer essa margem de crédito, a empresa não deve ter faturamento anual superior a R$360 mil reais.

Vale ressaltar que esse teto é consideravelmente superior ao teto de faturamento do MEI que, atualmente, é de R$ 81 mil reais ao ano-calendário.

 

Programa Emergencial de Acesso a Crédito – PEAC

O PEAC – Programa Emergencial de Acesso a Crédito era, a princípio, uma Medida Provisória, e então foi convertido em Lei.

PUBLICIDADE

Não se trata de uma linha de crédito, mas sim uma um programa de reduz os riscos de inadimplência para instituições financeiras.

Dessa forma, é possível contratar financiamento com garantia do PEAC.

Esse programa tem como objetivo custear gastos emergenciais de empresas, cooperativas e instituições de modo geral.

O PEAC foi uma das soluções que o Governo Federal encontrou para assistir as empresas financeiramente em decorrência da pandemia que prejudicou a saúde econômica de muitas instituições, levando diversas à falência.

PUBLICIDADE

Vale ressaltar que o programa oferece taxas de juros muito menores do que as usualmente praticadas pelos bancos, além de prazos muito maiores.

Essas condições são oferecidas visando fazer com que a roda da economia no país não pare de girar e que os danos e impactos nas empresas sejam minimizados.

 

Como o PEAC funciona?

De acordo com o BNDES, após a solicitação de financiamento, a instituição mediadora fará a avaliação de risco e a partir disso poderá conceder ou não o valor solicitado.

Os critérios obedecidos são independentes e praticados de acordo com as políticas de cada instituição financeira.

PUBLICIDADE

Além disso, é importante ressaltar que o banco ou instituição financeira poderão requerer garantias ao conceder crédito, de acordo com o que acharem conveniente.

Por fim, antes de fechar qualquer negócio, leia as cláusulas de regulamentam o PEAC e certifique-se de estar ciente das obrigatoriedades previstas em contrato.

Deixe uma resposta