Reaplicação do Enem em caso de infecção por Covid-19 e outros motivos: Por que e como pedir?

Reaplicação do Enem em caso de infecção por Covid-19 e outros motivos: Por que e como pedir?

  • Post category:Enem

É possível pedir a reaplicação do Enem – Exame Nacional do Ensino Médio – em caso de o candidato estar infectado por doenças infectocontagiosas, dentre elas a covid-19.

A prova do Enem 2021 acontece nos dias 17 e 24 de janeiro para os candidatos que optaram pela versão impressa e para os que optaram pela versão digital a prova ocorrerá nos dia 31 e 07 de fevereiro. Sendo que a versão digital está sendo aplicada pela primeira vez nesta edição do Enem, em apenas algumas cidades do Brasil e somente para os estudantes que já optaram por esta versão no ato da inscrição.

 

Como saber se a minha doença está na lista de doenças infectocontagiosas do Enem?

Para fins de reaplicação do Enem, existe uma lista de doenças infectocontagiosas no edital do Enem, são elas:

  • coqueluche;
  • difteria;
  • doença invasiva por Haemophilus influenza;
  • doença meningogócica e outras meningites;
  • varíola;
  • influenza humana A e B;
  • poliomielite por poliovírus selvagem;
  • sarampo;
  • rubéola;
  • varicela;
  • covid-19.

 

O que devo fazer se estiver com uma dessas doenças?

Um dia antes da prova

O primeiro passo é acessar a Página do Participante na internet, com seus dados em mãos acesse sua conta e faça a informação da sua condição. Porém, não basta ter os sintomas da doença, é preciso ter laudo médico que comprove a doença e enviar uma cópia pelo portal.

PUBLICIDADE

No dia prova

Caso a confirmação da doença com laudo médico ocorra no dia da prova, o candidato deverá fazer dois procedimentos:

– Ligar no número 0800 616161 (a ligação é gratuita) e relatar sua condição.

– Enviar o laudo médico, por meio da Página do Participante.

* Importante: O laudo médico deve conter o código corresponde à Classificação Internacional da Doença (CID 10) e estar assinado por profissional devidamente habilitado, no caso, um médico com registro no Conselho Regional de Medicina (CRM), Ministério da Saúde (RMS) ou outro órgão competente, sendo fundamental esta identificação do profissional de saúde no laudo médico.

PUBLICIDADE

 

A reaplicação de provas do Enem é somente para doenças infectocontagiosas?

Não, é possível pedir a reaplicação de provas por diversos motivos, que não somente doenças infectocontagiosas.

Se durante a aplicação das provas ocorrerem problemas logísticos, como: desastres naturais, falta de energia elétrica, falha no dispositivo eletrônico (para candidatos que solicitaram leitor de tela), dentre outros. É possível solicitar solicitar, também, a reaplicação do Enem.

Nos casos acima é possível pedir a reaplicação em até 5 dias após o último dia de aplicação das provas.

O candidato que simplesmente não comparecer à realização das provas não terá direito à reaplicação do Enem.

PUBLICIDADE

Outra informação muito importante é que o candidato que alegar indisposição ou problemas de saúde durante a aplicação das provas, ou precisar ausentar-se por qualquer que seja o motivo e não concluir a prova, não poderá retornar à sala e nem solicitar a reaplicação do Enem.

É também possível que candidatos acidentados ou que sofram situações fortuitas e não consigam atendimento especializado para o dia do exame sejam encaminhados para a reaplicação do Enem.

 

A solicitação da reaplicação do Enem tem aprovação automática?

Não, o candidato que solicitar a reaplicação do Enem deve aguardar e acompanhar pelo Portal do Participante se a sua solicitação foi atendida.

Para tanto, o candidato deve atentar-se ao fato de anexar corretamente os documentos comprobatórios referentes às alegações da solicitação da reaplicação, pois caso o documento anexado não atenda as condições, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas (INEP), que é o órgão responsável pela realização do exame, poderá negar a solicitação da reaplicação do Enem.

PUBLICIDADE

 

Quando será a reaplicação do Enem?

A data e hora da reaplicação do Enem ainda não estão definidas e serão, posteriormente, divulgadas pelo INEP através do portal.

Portanto, o candidato que solicitar a reaplicação do Enem, por qualquer que seja o motivo, deve ficar atento à divulgação das datas da reaplicação, para não perder o prazo, pois não haverá outra chance.

Lembre-se, a nota do Enem abre portas para diversas universidades e garante bolsas pelos programas do governo como o Prouni.

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta