Prova de Vida Suspensa Até Fevereiro
Close up details of the folded hands of an elderly man resting on a walking cane in a mobility and health concept

Prova de Vida Suspensa Até Fevereiro

  • Post category:Notícias

Com a prova de vida suspensa até fevereiros, segurados do INSS não precisam comparecer aos bancos para garantir o recebimento de pensão e aposentadoria. A medida já havia sido adotada em 2020, e de acordo com a Previdência Social, no mês de janeiro ainda não haverá o serviço. Entenda como proceder:

Prova de vida é um serviço que todo aposentado e pensionista do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deve se submeter para atestar estar vivo e, portanto, apto a continuar recebendo o benefício previdenciário.

Em decorrência da pandemia, a prova de vida que estava marcada para 2020 havia sido suspensa, uma vez que idosos e pessoas com comorbidades são as mais numerosas entre os beneficiários do INSS, e são justamente essas que precisam evitar a exposição física a fim de evitar o contágio pelo vírus.

Desse modo, com a prova de vida suspensa até fevereiro, como indicado no Decreto publicado pela Previdência Social, milhões de segurados ainda não sabem o que esperar ou como se preparar para uma nova data. Entenda como proceder:

PUBLICIDADE

 

Prova de Vida Suspensa Até Fevereiro: Saiba o Que Fazer

A Previdência Social divulgou nesta quarta-feira (20), no Diário Oficial da União, a Portaria nº 1.266/21, que prorroga a suspensão da prova de vida para que os beneficiários que precisam comprovar a condição de vida nas competências referentes a janeiro e fevereiro, cujos pagamentos serão válidos até o fim de março.

A referido Portaria também é válida para os beneficiários que se encontram no exterior. Mas, ainda que a prova de vida suspensa até fevereiro seja uma decisão já válida e lavrada, os beneficiários deverão continuar cumprindo eventuais compromissos e obrigações que tenham com os bancos onde recebem seus benefícios.

Por enquanto, o beneficiário não precisa efetuar a prova de vida e a recomendação é aguardar novas datas e informações a serem divulgadas pelo INSS. Estar atento aos noticiários, portais de informações e até mesmo ao Diário Oficial da União é a forma mais eficiente de verificar quando comparecer ao banco.

 

Como Funciona a Prova de Vida?

Anualmente os aposentados, pensionistas e beneficiários de modo geral do INSS precisam comparecer à agência bancária em que recebem as mensalidades para comprovar que estão vivos e que devem continuar a receber o benefício.

PUBLICIDADE

Em alguns casos, as pessoas devem passar pela prova de vida no mês de aniversário, ou de acordo com algum cronograma próprio da agência pagadora.

Além disso, alguns bancos passaram a adotar sistemas mais modernos, com uso de biometria, em que fraudes são impossíveis, já que o reconhecimento é feito pelas impressões digitais dos indivíduos.

Vale lembrar, ainda, que independentemente da prova de vida suspensa até fevereiro, quando os beneficiários não podem comparecer presencialmente ao local, seja por comorbidades, problemas de locomoção ou pela idade avançada, é possível outorgar procuradores para realizar o procedimento.

Por fim, desde agosto de 2020, em decorrência da pandemia, a prova de vida pode ser feita também pelo aplicativo Meu INSS. Para isso, é necessário efetuar cadastro no portal, caso você ainda não tenha conta no sistema gov.br. Essa opção, no entanto, só está disponível a pessoas com mais de oitenta anos de idade ou com problemas que impeçam a locomoção, mediante apresentação de atestado médico ou laudo que comprovem a condição.

PUBLICIDADE

Neste post explicamos detalhadamente como funciona a prova de vida.

 

Prova de Vida Para Militares Inativos

Não é novidade que os militares vêm recebendo tratamento diferenciado na atual gestão federal, e na Previdência Social não é diferente.

Se para os beneficiários comuns a prova de vida suspensa até fevereiro, para os militares inativos a suspensão será válida até 30 de junho de 2021, conforme divulgado no Diário Oficial da União.

Caso os indivíduos não compareçam às unidades até a data indicada, poderão ter a aposentadoria, pensão ou eventuais benefícios previdenciários suspensos a partir de 1º de julho deste ano.

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta